Sem horas e sem dores,

sejam bem vindos.

Meus fantasmas da ópera












Ás vezes o terror me parece confortável.
Ás vezes o medo me soa... adorável.

Ah, Se meus monstros fossem reais
e meus fantasmas nos fizesse companhia!
Talvez eu fosse mais feliz,
talvez eu consumisse mais daquela paz
que jaz no breu, no colo teu
onde meu corpo tende sempre a descansar.

No cais, eu sempre almejarei um pouco mais
daquela escuridão, onde eu costumava dormir e sonhar.

Aquela mulher que me observava da janela
toda noite, onde eu só via a silhueta...
Aquele monstro que vivia em meu armário
que me fazia tremer do pé até a cabeça...
Hoje em dia eu sinto a falta.

Ah, Se meus monstros fossem reais!
e meus fantasmas me ajudassem a derrubar
aquele cais, eu quero muito afundar.

Lá, bem lá embaixo, no breu do eterno mar...
quem sabe eu encontre a minha paz?
É fato que um dia tudo jaz.

........................................: OnDe mE aChA! :........................................

TWITTER: http://twitter.com/Sir_Otavio
ORKUT: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=13746541447095137404
______________________________________________________________________________