Sem horas e sem dores,

sejam bem vindos.

Até o limite

Eles tentam me parar! Por quê?
Eu não esbarro em ninguém, ora!
Corro em busca de um futuro, apenas.

Acredito que está lá,
reservado desde o primeiro piscar.

Desde a primeira imagem pela retina captada.
Desde a primeira moção pelo braço articulada.
Desde a primeira visão, já estava lá.

E eles ainda tentam me parar.
Povo sem visão, sem rumo, ora!

Posso tentar ajudar...
talvez...
só pra quem quiser ir...
só pra quem também buscar...
pra quem não me atrapalhar...
para quem me der a mão...

Vamos então!
Vamos até o fim, se ele existir.

Vamos então!
Vamos até o limite, enquanto houver.

Prometo...
Prometo que paro quando não houver mais limites.

1 Comentários:

Luiz Veloso disse...

É aquela história: ''Quem acredita, sempre alcança.''

Postar um comentário

........................................: OnDe mE aChA! :........................................

TWITTER: http://twitter.com/Sir_Otavio
ORKUT: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=13746541447095137404
______________________________________________________________________________