Sem horas e sem dores,

sejam bem vindos.

Destinos e correntes - Otavio Alcantara


Vida me diz pra te trazer flores brancas...
Pintar teu rosto num papel reciclável
Ouvir tua voz embaçada no telefone...
Sentir teu cheiro como presente... sempre presente em mim...

Fácil poder lembrar dos detalhes
Teu olhar brilhando por me ver chegar
Teu esforço pra enfrentar destinos e correntes
Teu choro pra mostrar ao meu coração a falta que faz...

Teu sorriso, tua boca, tuas palavras
Cada momento foi essencial pra isso aqui
Cada detalhe, cada dia, cada fato não desfeito
Faz um trato comigo mesmo pra não esquecer...

2 Comentários:

Anônimo disse...

Lindo o modo como explana os acontecimentos da vida face à hermeneutica presente sempre em cada um de nós.
Lindo poema musical!
Parabéns por tão belo gosto...
Sou tua fã!
Nata:*

Anônimo disse...

Nuss .. essa letra me tocou ... parece uma historia vivida minha no passado ^ Gostei pow .. tu tem um enorme talento ! (fãn tua srrs_)(Hanny Rocha)

Postar um comentário

........................................: OnDe mE aChA! :........................................

TWITTER: http://twitter.com/Sir_Otavio
ORKUT: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=13746541447095137404
______________________________________________________________________________